Notícias de Oeiras no Mural da Vila

Numero
Artigos

20 de novembro: refletindo, comemorando e agindo

Por Padre Francisco Barbosa

20 de Novembro de 2016 às 19h57 Imprimir

Atualizada em 24/11/2016 às 12h08

 *Por Pe. Francisco Barbosa

Hoje, 20 de novembro, data na qual comemoramos o Dia Nacional da Consciência Negra, data na qual foi assassinado o líder do Quilombo dos Palmares - Zumbi. Nesta data somos chamados a refletir sobre a nossa vida, o nosso ser-estar na sociedade, no mundo. Tendo presente o legado que foi-nos deixado por Zumbi.

Livros, textos, vídeos, clips, filmes, entrevistas, rodas de conversa, mesas-redondas, debates, etc. tanto material produzido, tantas iniciativas realizadas para lembrar, para celebrar esta data. E o sentimento maior é de que necessitamos hoje não só de uma reflexão sobre Zumbi dos Palmares, mas de uma tomada de posição assumindo atitudes que estejam em consonância com tudo aquilo que Zumbi sonhou e viveu.

Os eventos, manifestações etc. de hoje são, num primeiro momento, para a nossa reflexão, para alegrar-nos, fazer-nos entrar no espírito da festa. Contudo, não deixa de ser um momento propício para estarmos revendo as nossas ações, o nosso modo de ser, o nosso modo de agir.

Um modo de ser, de agir que privilegie a inclusão, que não seja indiferente, ao valor da partilha. Porque fundamentalmente esse foi o modo de vida, de organização presente no Quilombo dos Palmares.

A mídia veicula cotidiamente a discrepância crescente, abissal entre o mundo dos que têm quase tudo e daqueles que não têm nada, daqueles que foram e são historicamente excluídos. Evidentemente que muitos são, de algum modo, os responsáveis por esse cenário social. Sendo que a responsabilidade primeira não deixa de ser, também: minha, sua (de você que está lendo esse texto), nossa. Que tal transformarmos esse cenário?

Deixo duas perguntas para a nossa reflexão pessoal e/ou grupal:

1. No dia a dia, sou uma pessoa com atitudes exclusivistas: discrimino, marginalizo, excluo as pessoas, algumas pessoas?

2. O que necessito fazer para que nas minhas ações estejam sendo incorporadas as atitudes de Zumbi dos Palmares: inclusão, respeito, fraternidade?

Viva Zumbi dos Palmares!
Viva quem sonha e luta por um mundo sem exclusão!


*Pe. Francisco Barbosa, Presbítero da Diocese de Oeiras, Administrador Paroquial da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Socorro do Piauí-PI, Militante do Movimento Negro, Novembro/2016, email: pebarbosa1965@bol.com.br, whatsapp: (89) 99413-1800

Veja mais notícias sobre Artigos.

Fonte: Da Redação  |  Edição: Redação Oeiras

Comente através do Facebook
Veja também

20 de novembro: refletindo, comemorando e agindo Por Padre Francisco Barbosa 20 de Novembro de 2016T11/20/2016T19:57
http://www.muraldavila.com.br/imgs/logomarca-interna2.png Mural da Vila
336 255
Veja Noticias de Sua cidade:
Spazzo Bio Posto Chico Passe a Limpo - Gráfica rápida Frigoleme AcquaBox Supermercado Alternativo SID Leal Paraiba Lila Honda Direito Lanches e Cia