Notícias de Oeiras no Mural da Vila

Numero
Teresina

Após morte de Camilla Abreu, mulheres fazem ato contra feminicídio em Teresina

Com aproximadamente 60 mulheres, cartazes e velas foram espalhados pelo canteiro central da avenida Frei Serafim.

02 de Novembro de 2017 às 10h08 Imprimir

Atualizada em 02/11/2017 às 13h13

Foto: Salomão Prado
 Um grupo composto em sua maioria por mulheres clamaram por justiça, na tarde desta quarta-feira (01/11) no cruzamento da avenida Frei Serafim com Pires Castro, pelos constantes casos de feminicidios e abuso à mulher nos últimos meses no Piauí.

"É um momento de fazer um pedido: Se você tem uma mana, e sabe que ela está num relacionamento conturbado, fale com ela, aconselhe ela a sair desse relacionamento", sugeriu Carmem Lucia, uma das mulheres que estava presente no ato denominado #FoiFeminicidio, em alusão ao caso da jovem Camilla Abreu, assassinada pelo namorado capitão da PM-PI.

Com aproximadamente 60 mulheres, cartazes e velas foram espalhados pelo canteiro central da avenida Frei Serafim com os nomes de vítimas de abusos cometidos por homens.

A professora de dança Luzia Amélia explicou que não trata-se de um movimento formado por um único grupo, e sim por dezenas de mulheres que querem contribuir na mudança das taxas de violência contra a mulher. "Aqui não tem um grupo específico, e sim várias mulheres que gritam por justiça e mudança. A ideia desse ato surgiu a partir de um grupo no WhatsApp, aí decidimos nos encontrar hoje aqui e pensar a situação de vulnerabilidade da mulher aqui em Teresina", explicou.



Os casos das jovens Iarla Patricia e Camilla Abreu, ambas vítimas fatais do machismo de seus namorados, foram ressaltados entre os presentes. A representante da Comissão Mulher Advogada da OAB-PI, Karla Oliveira, lembrou das duas garotas e alertou: "O homem vê a mulher como símbolo sexual, e quando ela foge desse parâmetro de agradar, ele vai violenta-lá, agredi-la, depois mata. A mulher não pode se calar, senão ela pode ser uma Iarla, uma Camilla".

Veja mais notícias sobre Teresina.

Fonte: Oito Meia  |  Edição: Redação Oeiras
O blogueiro e/ou correspondente deste município NÃO possui qualquer vínculo empregatício ou comissão pela postagem e/ou colaboração com o conteúdo do Mural da Vila. Portanto, todo e qualquer conteúdo (textos, imagens e vídeos) apresentados nesta página é de inteira responsabilidade civil e penal do responsável (blogueiro, correspondente ou colunista).

Comente através do Facebook
Veja também

Após morte de Camilla Abreu, mulheres fazem ato contra feminicídio em Teresina Com aproximadamente 60 mulheres, cartazes e velas foram espalhados pelo canteiro central da avenida Frei Serafim. 02 de Novembro de 2017T11/02/2017T10:08
http://www.muraldavila.com.br/imgs/logomarca-interna2.png Mural da Vila
336 255
Veja Noticias de Sua cidade:
Frigoleme SID Honda Direito Store One Lojas A Credinorte Casa do Frango Spazzo Eletro Bio Passe a Limpo - Gráfica rápida Supermercado Alternativo Leal Posto Chico